Ácido-Básico: Disnatremia

Dentro do assunto Ácido-Básico, o presente texto tem, por objetivo, distinguir as duas alterações do íon sódio que se manifestam na prática médica: a alteração de sua quantidade no organismo e a alteração de sua concentração, esta última detectada pela leitura da natremia. Ao conjunto, podemos chamar disnatremias.
As disnatremias são definidas como alterações da quantidade e/ou concentração do íon sódio. Essa distinção é importante, pois a sua quantidade é responsável pelo volume do líquido corporal (quantidade), enquanto a sua concentração (natremia) é utilizada como marcadora da quantidade de água livre do organismo.
60% do peso de um indivíduo adulto é composto por uma solução, cujo solvente é a água e cujo soluto é composto pela gama de substâncias nela dissolvidas: gases, eletrólitos, minerais, produtos finais do metabolismo.
É importante sempre repetir que quantidade de sódio é responsável pelo volume líquido corporal (expressa em mEq), e que concentração de sódio (expressada em mEq/L), indica osmolalidade (pressão osmótica) do espaço extracelular, ou seja, teor de água de água livre.

Para conhecer com mais profundidade este importante tópico relacionado ao assunto Ácido-Básico, leia o livro “Interpretação Clínica do Metabolismo Hidroeletrolítico e Ácido-Básico”, disponível no formato ebook em: http://www.amazon.com.br/dp/B00E818OT6 para Ipad, Iphone e Android, baixando o app Kindle.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>